Feliz Dia dos Professores!

Bom Dia!

O Sampa Histórica não poderia deixar de homenagear aquele que é responsável pela formação de um país: o professor.
Em 1963, o dia 15 de outubro foi declarado feriado escolar em homenagem aos professores, por decreto aprovado pelo presidente João Goulart e o então ministro da Educação, Paulo de Tarso. A explicação para a origem da data, no entanto, tem duas versões diferentes.

Uma sala de aula composta apenas por alunas, na Escola Normal Caetano de Campos.
Uma sala de aula composta apenas por meninas, na Escola Normal Caetano de Campos.
Uma sala de aula composta apenas por alunos, na Escola Normal Caetano de Campos.
Uma sala de aula composta apenas por meninos, na Escola Normal Caetano de Campos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Estilo: "Color tone - neutral"

A primeira história que encontramos por aí vem da época de D. Pedro I. Em 15 de outubro de 1827, o imperador estipulou que toda vila, cidade e lugares mais populosos do Brasil criassem as primeiras escolas primárias do país, conhecidas na época como escolas de primeiras letras. O Dia do Professor seria, então, uma homenagem a esse marco da educação brasileira.

A segunda versão, mais difundida que a do período colonial, garante ao professor Salomão Becker a responsabilidade pela inclusão do Dia do Professor no calendário escolar. Em 1947, o professor, nascido em Piracicaba, lecionava no Ginásio Caetano de Campos, o “Caetaninho”, na capital paulista.

 

Alunos do Jardim da Infância, que funcionava anexo à Escola Normal,
Alunos do Jardim da Infância, que funcionava anexo à Escola Normal,

Certo dia, o professor e mais três colegas conversavam a respeito do tamanho do segundo semestre letivo, que ia de 1° de junho a 15 de dezembro, com apenas 10 dias de férias nesse período. Os quatro professores tiveram a ideia de criar um dia de parada para o descanso e também para organizar as atividades do restante do ano. Os rumores dizem que o professor Salomão Becker sugeriu que o encontro acontecesse no dia 15 de outubro, data em que, na sua cidade natal, professores e alunos tinham o costume de organizar uma confraternização.¹

Parabéns Professores!  O único profissional que forma todos os outros profissionais. Quem dias melhores venha para essa profissão e ela passe a ser a mais importante e valorizada desse país!
Sem vocês, nem esse blog existiria!

Alunos do Jardim da Infância que funcionava anexo à Escola Normal.
Alunos do Jardim da Infância que funcionava anexo à Escola Normal.

 

 

 

 

Sala de aula da Escola Normal

 

 

 

 

 

 

 

Alunos provavelmente na aula de educação física, praticam esgrima.

 

Alunas provavelmente na aula de educação física jogando basquete.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As imagens dessa publicação foram retiradas do “Album de Photographias da Escola Normal e Annexas de São Paulo – 1908” pertencente ao acervo do Arquivo Público do Estado de São Paulo
¹ Texto retirado do portal da Revista Educação.

Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. Carmen Silvia Coelho de Oliveira disse:

    Amei ! Institutto de Educacao Caetano de Campos, fez historia na cidade !!!!!!!!

    Curtir

  2. Rodolpho Neto disse:

    Um Colégio de Vanguarda aqueles tempos sim eram Evoluidos Os Alunos Tinham Aulas de Esgrima e Tiro nunca pensei que aqui um Dia foi assim Pena que não vivi naquele Tempo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s