Mappin

Boa Noite!

Uma bela vista noturna da Praça Ramos, com destaque para a última sede do Mappin Stores, o edifício João Brícola. Temos do lado esquerdo, na esquina com a rua Xavier de Toledo, parte da fachada do edifício Alexandre Mackenzie. E o Theatro Municipal no canto inferior direito. Editado por BrasilColor, circulado em 1977.

1977 - Vista Noturna - Mappin - Brasilcolor - DCP


Em 1939, o Mappin transferiu-se para a Praça Ramos, ao prédio que se tornaria emblema de lojas de departamentos na cidade. Até a abertura dos shoppings, entre o final dos anos 60 e início dos 70, o comércio mais glamouroso passava pelo Mappin.
O prédio não foi construído para abrigar lojas. O projeto do arquiteto Elisário da Cunha Bahiana (1891-1980) – o mesmo que fez o viaduto do Chá e o Jockey Club – era para ser a sede de um banco, o Banespa. O problema é que a direção do Banespa achava que o prédio ficara longe demais da centro financeiro, que na época baseava-se nas rua Direita e 15 de Novembro. A Santa Casa de Misericórdia tinha um edifício nessa área financeira, na rua João Brícola, e trocou-o com o Banespa, que ergueu o edifício Altino Arantes¹.

¹ Trecho retirado do blog Saudade Sampa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s