O Jardim da Praça da República

Boa Tarde!

(…) Os jardins foram outra obsessão do prefeito (Antônio Prado). A praça da República era “um descampado, ora poeirento, ora enlameado, conforme a época do ano”, escreve Jorge Americano. Já serviria para corrida de touros, no tempo em que se chamou largo dos Curros, e ultimamente abrigava circos de passagem. 
1900 - Praça da República
A Praça da República, no início do século XX. O local lamacento seria a obra considerada a “menina dos olhos” do prefeito Antonio Prado. Acervo da Casa da Imagem. Sem Autoria.
Por votla de 1902, foi cercada de arame farpado. Prossegue Jorge Americano: “Vieram carroças, removeu-se a terra daqui para ali, fizeram o lago, plantaram árvores, gramaram canteiros e, numa tarde de Ano-Bom, com banda de música, foi inaugurado o jardim, com presença do presidente do estado e do prefeito.” O local se transformaria, segundo o mesmo autor, num ponto de reunião, depois do jantar, das famílias dos Campos Elíseos, da Vila Buarque e de Higienópolis. (…)¹
1905 - Jardim da Praça da República - Lado Raro - Revistas Kosmos - Luiz Francisco Moniz Figueira
Imagem foi retirada da Revista Kosmos. Mostra a inauguração do Jardim da Praça da República em 1905.
1910 - Praça da República - Rosenhain & Meyer - Ebay 2
Praça da República, c. 1905/1910. O edifício em segundo plano, era na época a Escola Normal, depois Caetano de Campo e hoje é a Secretaria Estadual de Educação. Será que era hora do almoço e a rapaziada que estava cuidando do assentamento da rua, estava tirando um descanso? Postal editado por Rosenhain & Meyer.
Guilherme Gaensly
Jardim da Praça da República, também de c. 1910, em imagem de Guilherme Gaensly, acervo do Arquivo Público do Estado de São Paulo
1905 - Jardim da Praça da República - Malusardi - DCP
Uma pena que nosso progresso não soube manter o que era belo. Mais um postal da época da inauguração do novo jardim. Postal editado por Malusardi.
O texto é do livro “A Capital da Vertigem”, de Roberto Pompeu de Toledo. Capítulo 1, página 34.
Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. Tomomasa Takeda disse:

    Como deixei o Brasil no meado de 1982, tenho a lembrança da Praça da República desta época (ou desde 1959 até 1982 onde eu morei). Mas venda as fitos antigas, aprendi os passados e gostaria de visitar esta praça na próxima viagem ao Brasil no ano que bem. Dentro da minha memória ainda continua época da década de 70, quando frequentava as cinemas e ainda passavam os bondes.

    Curtir

  2. olidenÿffffe9risl simÿfffff5es disse:

    Caro Felipe e a todos os colaboradores do Sampa Histórica. Obrigada pelos momentos de pura emoção ao receber os posts que mexem tanto com nossas mais queridas lembranças! Curto demais e fico pensando:- ” que gente maravilhosa! ” É animador.

    Quero desejar uma passagem de Ano repleta de vibrações auspiciosas. Um 2016 iluminado, abençoado pelo poder divino. Saúde e prosperidade! Obrigada, Olidenéris

    C——————————————–

    Curtir

  3. f.onofre@ig.com.br disse:

    Obrigado pelo envio das fotos

    Onofre

    Curtir

  4. Arlindo Lapolla disse:

    MUITO LINDO VOLTAR AO PASSADO … CHEGO ATE A ME EMOCIONAR
    APESAR DOS MEUS 70 ANOS BEM VIVIDOS … VALEU …

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s